sábado, 13 de abril de 2013

"O beijo é uma estrofe em que duas bocas rimam."
Coelho Neto

O beijo é a forma de materializar um sentimento carinhoso que pode ser: maternal, paternal, fraternal, romântico... enfim, o beijo pode expressar várias coisas. 

Há rumores que a data foi criada por causa de um italiano, chamado Enrique Porchelo. Dizem que o homem beijava todas as mulheres que encontrava, casadas ou não. Na história também há um padre da localidade que ofereceu um prémio em moedas de ouro às mulheres que não haviam sido beijadas pelo “beijoqueiro”, mas nenhuma apareceu e o tesouro está escondido em algum lugar da Itália até hoje.


O beijo é sinónimo de intimidade. Num relacionamento amoroso, ele é faísca capaz de incendiar o corpo inteiro. 


Mas também tem outro factor, o fisiológico, já que segundo especialistas um único beijo movimenta 29 músculos: 12 dos lábios e 17 da língua. As pulsações cardíacas dobram, saltando de 70 para 140 por minuto e, conforme a intensidade, é capaz de queimar de 3 a 12 calorias.

Sem comentários:

Enviar um comentário